Avargues

Uma proposta de Bruno Silva, Laure Jazeix, Hugo Livet e Pierre Bechon com a amável participação de Luc Avargues

“Convidados pela Rua do Sol 172, partimos à procura de uma forma nova e unificadora, assim como dar a conhecer o nosso trabalho em toda economia de meios, sem estarmos presentes fisicamente. Decidimos portanto que as nossas propostas fossem conduzidas por um outro, um amigo, artista também (em todos os sentidos do termo). É portanto por, com e sobre Luc Avargues que durante a inauguração tudo acontecerá. Luc passa assim a ser espaço e actor em simultâneo, assim como o lugar onde se desenvolve e acontece a peça.”

Esta será a primeira de uma série de propostas intitulada “Olho Esquerdo” a acontecer uma vez por mês na cara da Rua do sol 172.

Olho esquerdo é o olho que está posicionado à esquerda da fronte e que dá a ver um pouco do que se passa lá fora. Os disléxicos, egocêntricos e outros, por vezes chamam-no de olho direito, esses que estão lá fora e que também espreitam através do olho. O cérebro também gosta de nos trocar os lados, sendo que o olho esquerdo está ligado ao seu hemisfério direito.

Para já não se pode adiantar muito mais, mas quando a curiosidade é grande há duas coisas a fazer:

– google -> olho esquerdo
– estarem presentes na sexta-feira 29 de Novembro, pelas 21.30